Desmontagem industrial

A desmontagem ou descomissionamento industrial é um serviço muito requisitado nas indústrias quando há a necessidade de desativar uma unidade fabril completa, um processo produtivo ou um equipamento apenas.

Além da remoção de máquinas, existe uma função bastante importante que se concentra na desinstalação de uma estrutura composta por materiais metálicos instaladas em ambientes industriais por diversos motivos e finalidades. Neste processo se faz necessário o uso de equipamentos/ferramentas auxiliares como caminhão munck, plataforma, guindastes, maçarico de corte, plasma entre outros.

É muito importante que as empresas que necessitem deste serviço busquem profissionais capacitados para se envolverem nesta tarefa. Eles devem imprescindivelmente estar habilitados e treinados adequadamente para realizar este processo, garantindo um serviço que preze pela segurança de todos e pela eficiência dos resultados obtidos com a sua mão de obra.

A Expomaq possui uma metodologia que garante sucesso total de nossos projetos:

  • Na fase 1 “planejamento” nossa equipe realiza inspeção técnica na fábrica ou equipamento específico para avaliar a melhor forma de desmontar, tudo é documentado e enviado ao cliente para análise e aprovação;
  • As fases 2 “execução” e 3 “monitoramento” são seguidas em paralelo visando sempre a segurança e integridade de todos os envolvidos no processo. Lembrando que tudo é documentado em relatório de executivo semanal contendo todas as fotos, laudos, informações e características importantes;
  • Na fase 4 “destinação de resíduos industriais” realizamos todo o gerenciamento de resíduos gerados na obra, como: sucatas de ferro, inox, alumínio, cobre, fios/cabos, tubulações e outros materiais (exceto gerenciamento e destinação de resíduos químicos);
  • Por fim na fase 5 “encerramento” realizamos uma limpeza técnica no local e, após assinatura do documento final de encerramento do projeto, desmobilizamos todos os equipamentos/ferramentas/materiais utilizados.

Todos os nossos operadores são treinados e certificados para trabalhos específicos e seguem criteriosamente os padrões e leis vigentes de segurança no trabalho.

Atendimento às Normas Regulamentadoras como por exemplo a NR 33 (espaço confinado) e NR 35 (trabalho em altura) com liberação por ASO. Todos os exames são atualizados anualmente com diagnóstico completo (exame clínico, audiometria, glicemia, ECG, EEG etc.).

Utilizamos todos os EPIs e EPCs necessários para cumprir as normas de Higiene e de Segurança do Trabalho prevista na Lei 6514, de 22/12/77 e Portaria 3214, de 08/06/78, do SS do Ministério do Trabalho.